“Cooperativismo é um dos motores da agropecuária”, diz superintendente do Sistema OCB



Do acesso aos insumos à comercialização dos produtos, o cooperativismo está presente em todos os elos das cadeias produtivas do ramo agropecuário no Brasil. A profunda ligação entre os setores se traduz na força dos números. Na contramão da crise econômica, as cooperativas agropecuárias exportaram U$S 6,16 bilhões em 2017, superando em 20% o total registrado em 2016 (U$S 5,13 bilhões). “O cooperativismo é um dos principais motores da agropecuária”, sintetizou o superintendente nacional do Sistema OCB, Renato Nóbile, durante palestra no Encontro do Cooperativismo Agropecuário da Paraíba, realizado na última segunda-feira (17).

O evento reuniu dirigentes, cooperados e colaboradores de 20 instituições, entre cooperativas, entidades e órgãos parceiros. O presidente do Sistema OCB/PB, André Pacelli, abriu o Encontro que faz parte da programação da Expofeira Paraíba Agronegócios. Segundo Pacelli, a feira, além de divulgar os produtos das cooperativas, tem como propósito oferecer oportunidade de qualificação para os produtores por meio de ações como este evento.

“Nosso objetivo com este Encontro é trazer informações consistentes para o produtor rural cooperado. Além de palestrantes da Conab e da Emater, contamos com a presença do nosso superintendente nacional, Renato Nóbile, que traz informações recentes do cenário nacional, da interlocução da OCB com os ministérios e outros órgãos parceiros com o propósito de incrementar o cooperativismo e as políticas públicas voltadas para o setor”, comentou.

Um dos destaques da tarde foi a palestra do superintendente nacional do Sistema OCB, Renato Nóbile. Ele apresentou números nacionais, desafios da agropecuária e do cooperativismo, além de mostrar a atuação da OCB em prol do ramo. “Nós trazemos aqui uma mensagem de confiança no cooperativismo agropecuário pela importância que ele tem no desenvolvimento do país. A gente acompanha a agropecuária como um todo, em termos de produção, geração de riquezas e alimentos para a população brasileira e o excedente na exportação. É importantíssima essa oportunidade de dialogarmos com o pessoal ligado à agropecuária no estado da Paraíba”, afirmou Nóbile.

A agricultura familiar, que é muito presente no cooperativismo paraibano, esteve no foco das palestras realizadas pelos representantes da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e da Emater PB. O diretor técnico da Emater PB, Vlamink Paiva Saraiva, falou sobre as ações da empresa estadual na oferta de assistência técnica para os produtores rurais e cooperativas da agricultura familiar.

Já o assistente de operações da Conab, Anderson Maurício do Nascimento, explicou como funcionam os programas de compras públicas da Companhia e os critérios que as cooperativas precisam atender para participarem das chamadas públicas.

Parceiros institucionais

O papel do cooperativismo na agropecuária foi ressaltado pelo superintendente do Senar-PB, Sérgio Martins, que também enalteceu a parceria entre as instituições do Sistema S em benefício do desenvolvimento rural. “Senar, Sescoop e Sebrae são irmanados, a gente tem pertinência, tem uma ligação muito profunda com relação ao campo e ao cooperativismo. O ‘Agro’ vem dando uma resposta na balança comercial brasileira e 48% da comercialização da produção do campo passa por cooperativas. Vejam a importância que tem o cooperativismo para nós que fazemos o ramo agropecuário”, destacou Martins.

O evento contou, ainda, com a participação dos seguintes dirigentes: Pedro Albuquerque, superintendente do Sistema OCB/PB; Mário Borba, presidente do Sistema Faepa/Senar; Jucieux Palmeira, representante do Sebrae Paraíba; João de Deus Rodrigues, o presidente da Cooperural e representante suplente do ramo agropecuário no Conselho da OCB/PB;  e Rafael Bernardino, presidente da Associação Comercial.

Também participaram do evento presidentes e representantes de cooperativas como Coapecal/Cariri, CPNAF, Copresta, Copaf, Coopafab, Cooates, Ovinocoop, Rede Agro, Frutiaçu, Cooprafe, Creduni, além de parceiros como Procase, Banco do Brasil e Secretaria da Agricultura.


Comentários

Comentar

4189
Fale com o Sistema OCB/PB